Os ecossistemas manguezal e marisma são característicos de litorais tropical/intertropical e temperado, respectivamente, embora possam coexistir nas baixas latitudes. Manguezais, particularmente, são considerados os mais importantes fixadores e sumidouros de carbono (carbono azul), função destacada diante das atuais taxas dos gases de efeito estufa na atmosfera terrestre. Ainda diante das mudanças climáticas, onde taxas de elevação do nível médio relativo do mar representam manifestações das mais marcantes ao longo dos litorais, manguezais e marismas como sentinelas do entremarés respondem de variadas formas aos processos da dinâmica costeira. A adoção de protocolo mínimo de amostragem permitirá que os projetos/subprojetos de pesquisa associados à ReBentos, de médio e longo prazos, produzam informações passíveis de análises e de interpretações, levando a identificação de possíveis padrões de comportamento para os ecossistemas manguezal e marisma ao longo do litoral marinho costeiro brasileiro.

 

 

Projetos

  • Manguezais do Estado de São Paulo: análise da evolução espaço-temporal (1979-2009) (Resp.: Dra. Marilia Cunha Lignon - DSR/INPE)  Período: 2010-2012. Financiamento: Fapesp. Pós-Doutorado.
  • Monitoramento de bosques de mangue do Estado de São Paulo, Brasil (Resp.: Dra. Marilia Cunha Lignon - DSR/INPE). Período: 2012-2014. Financiamento: CNPQ edital Universal
  • Monitoramento de Manguezais - Guardiões das zonas costeiras (Resp.: Dra. Marilia Cunha Lignon - Instituto BiomaBrasil). Período: 2012-2015. Financiamento: Fundação Grupo Boticário.
  • Sequestro de carbono e recuperação das florestas desmatadas de mangue da Península de Arujuteua, Município de Bragança - Pará (Resp.: Prof. Dr. Marcus Emanuel Barroncas Fernandes - LAMA/IECOS/UFPA)
  • Recuperação de manguezais e bioensaios em diferentes cenários de mudanças globais na zona costeira do Estado do Maranhão (Resp.: Prof. Dra. Flávia Rebelo Mochel - UFMA)
  • Manguezal da Baía do Sueste, Fernando de Noronha, Pernambuco (Resp.: Prof. Dr. Clemente Coelho Junior - UPE)
  • Desfolhação severa de Avicennia germinans em uma Área de Proteção Ambiental do Estado da Paraiba: efeito na fitossociologia e no desempenho fotoquímico (Resp.: Profa. Dra. Elaine Bernini - UFPB)
  • Distribuição fitogeográfica dos manguezais sergipanos por modelagem preditiva (Resp.: Profa. Dra. Rosemeri Melo e Souza - UFS)

 

 

 

Fomento

Vínculo